Sexta-feira, 11.09.09

 

Mousse de Chocolate

100 ml creme de leite com 20% de gordura
100 gramas de chocolate ao leite com pelo menos 40% de cacau
50 gramas de blød nougat premium (pasta de avelãs dinamarquesa com 45% de avelãs)
1 colher de chá de extrato natural de baunilha

Como:

Pique o chocolate e o nougat em pote de vidro. Ferva o creme de leite e jogue o creme fervido sobre o chocolate e o nougat e mexa suavemente até que o creme derreta o chocolate e o nougat e forme uma massa totalmente homogênea. Deixar esfriar e ir mexendo suavemente durante um dia inteiro. Não leve a geladeira pois vai endurecer muito e perder o brilho.

O lance do brilho está diretamente ligado a fatores como a quantidade de gordura, a mudança das temperaturas e a quantidade de chocolate no produto final. Guarde em lugar seco e fresco embalado em pote de vidro esterilizado. Consuma em 3 dias.

 

publicado por Chicailheu às 14:54 | link do post | comentar | favorito

 

O cabeça-de-negro (Annona coriacea) é uma árvore pequena, não-pioneira, da família das anonáceas, que ocorre nos cerrados do Brasil).

Possui folhas ovadas, coriáceas, flores amarelas e frutos bacáceos múltiplos, grandes, comestíveis e muito saborosos, com sementes tidas como antidiarréicas. Também é conhecido pelos nomes de araticum-do-campo, araticum-dos-lisos e marolinho. Quando está maduro, o fruto abre-se.

 

É conhecido mais comumente como fruta-do-conde pelo fato de a primeira muda da espécie, vinda das Antilhas, ter sido plantada na Bahia, em 1626, pelo governador Diogo Luís de Oliveira, o Conde de Miranda, conforme relato de Pio Corrêa.

Somente em 1811, a espécie foi introduzida no Rio de Janeiro, por um agrônomofrancês, a pedido do rei Dom João VI.

Em Pernambuco, Brasília e interior do estado do Rio de Janeiro a fruta do conde é conhecida como pinha, sendo plantada atualmente no Vale do São Francisco, incluindo a fruta modificada sem sementes. É também conhecida no Nordeste do Brasil como pinha ou ata.

                                     Origem do nome

É conhecido mais comumente como fruta-do-conde pelo fato de a primeira muda da espécie, vinda das Antilhas, ter sido plantada na Bahia, em 1626, pelo governador Diogo Luís de Oliveira, o Conde de Miranda, conforme relato de Pio Corrêa.

Somente em 1811, a espécie foi introduzida no Rio de Janeiro, por um agrônomofrancês, a pedido do rei Dom João VI.

Em Pernambuco, Brasília e interior do estado do Rio de Janeiro a fruta do conde é conhecida como pinha, sendo plantada atualmente no Vale do São Francisco, incluindo a fruta modificada sem sementes. É também conhecida no Nordeste do Brasil como pinha ou ata.

tags:
publicado por Chicailheu às 12:28 | link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

::RELÓGIO::
::SLIDES::
::MÚSICA DO BLOGUE::
últ. comentários
Como se prepara este marisco melhos este crustáceo
Comentário típico de alguém que NUNCA FEZ NADA NA ...
tem que ser faca eletrica?
pelos menos colocou uma receita para as pessoas pr...
Faça um molho cocktail de cavaco em vez de fazer a...
Olá bom dia!Somos produtores de chá preto e verde ...
Olá bom dia!Somos produtores de chá preto e verde ...
Meu amigo vç deve ser linguista ....mas pouco sabe...
Claro que um kilo de acucar para 500g de farinha, ...
Posts mais comentados
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
2 comentários
2 comentários
as minhas fotos
PRENDAS DE BLOGUES AMIGOS


::RELÓGIO::
blogs SAPO
subscrever feeds