Sexta-feira, 21.08.09

 

 

ANANÁS

Abacaxi ou ananás é uma planta monocotiledônea da família das bromeliáceas, subfamília Bromelioideae. Os abacaxizeiros cultivados pertencem à espécie Ananas comosus, que compreende muitas variedades frutíferas. Há também várias espécies selvagens, pertencentes ao mesmo gênero.

 

1 Generalidades
2 Histórico
3 Características
4 Cultura
5 Moléstias e pragas
6 Consumo
7 Produção
8 Outras espécies
9 Ligações externas 


 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

O termo ananás (em português e espanhol) é do guarani naná, e documentado em português na primeira metade do séc. XVI e em espanhol na segunda (1578), em que é empréstimo do português do Brasil ou da sua língua geral.

O fruto, quando maduro, tem o sabor bastante ácido e muitas vezes adocicado. Em culinária pode ser utilizado como um poderoso amaciante de carnes. Habitualmente usa-se a polpa da fruta, mas seu miolo e as cascas podem ser aferventadas para produção de sucos.

 

Apesar de apreciadíssimo pela maioria das pessoas, na gíria brasileira abacaxi significa 'algo que não dá bom resultado, coisa embrulhada ou que não presta'. Este fato provavelmente se deve a seu visual espinhoso e ressequido.

 

Na linguagem corrente do Brasil tal como em Angola, costuma-se designar por ananás os frutos de plantas não cultivadas ou de variedades menos conhecidas ou de qualidade inferior. Por sua vez, a palavra abacaxi costuma ser empregada não apenas para designar o fruto de melhor qualidade, mas a própria planta que o produz.

O abacaxi é um fruto-símbolo de regiões tropicais e subtropicais, de grande aceitação em todo o mundo, quer ao natural, quer industrializado: agrada aos olhos, ao paladar e ao olfato. Por essas razões e por ter uma "coroa", cabe-lhe por vezes o cognome de "rei dos frutos", que lhe foi dado, logo após seu descobrimento, pelos portugueses.

 

 
Abacaxizeiro com fruto quase maduroO abacaxi já era cultivado pelos indígenas em extensas regiões do Novo Mundo, antes do descobrimento. Origina-se da América tropical e subtropical, ao que parece do sul do Brasil. Provavelmente, as atuais variedades cultivadas descendem de abacaxizeiros selvagens ali existentes. Não se sabe, todavia, quando, onde e como essa domesticação se verificou, mas, a 4 de novembro de 1493, Colombo e seus marinheiros descobriram o abacaxizeiro em Guadalupe, nas Pequenas Antilhas.

 

O pé de abacaxi é planta semiperene, que alcança um metro de altura. Primeiro produz um único fruto, situado no ápice; depois, com a ramificação lateral do talo, aparecem outros frutos, de modo que a fase produtiva pode prolongar-se por vários anos. Quando adulto, é constituído de raízes, talo (caule), folhas, frutos e mudas. O sistema radicular, do tipo fasciculado, é superficial, pois a maior parte das raízes fica nos primeiros 15 cm de solo. O talo apresenta o formato de uma clava, relativamente curta e grossa. As folhas têm forma de calha, co espinhos e estão inseridas no talo, formando uma densa espiral dextrogira e levogira.

A inflorescência é uma espiga, formada de flores completas, cada uma localizada na axila de uma bráctea. O fruto é composto, do tipo sorose, e resulta da coalescência de um grande número de frutos simples (100 a 200), do tipo baga, denominados frutilhos, os quais estão inseridos num eixo central, coração ou miolo, em disposição espiralada e intimamente soldados uns aos outros. No ápice do fruto existe um tufo de folhas – a coroa – resultante do tecido meristemático apical que a planta possui desde a sua origem. A conexão do fruto com o talo da planta é feita através de um pedúnculo.

 
Inflorescência de um Ananas comosus.A casca do abacaxi é formada pela reunião das brácteas e sépalas das flores. Logo abaixo da casca, inseridos na periferia de depressões em forma de taça, podem ser encontrados restos de pétalas e de estames, enquanto de cada uma dessas depressões aparece um vestígio de estilete. Na superfície de um fruto descascado de um modo pouco profundo, os restos de estiletes dão idéia de espinhos. Por outro lado, quando o descascamento é feito de modo mais profundo, a superfície mostra-se toda perfurada, por ficarem expostas as lojas dos ovários dos frutilhos. Dentro de tais lojas, em se tratando de fruto de variedade cultivada, geralmente são encontrados apenas óvulos abortados, pois a formação de sementes é rara, por serem as flores auto-estéreis. Todavia, através de polinização manual com pólen de outra variedade, não é rara a produção de duas mil a três mil sementes por fruto.

A parte comestível do abacaxi é a polpa, suculenta, formada pelas paredes das lojas dos frutilhos e pelo tecido parenquimatoso que os une, bem como pela porção externa ou casca do coração. De acordo com a parte da planta em que são produzidas, as mudas do abacaxizeiro são classificadas em quatro tipos:

coroa – muda do ápice do fruto;
filhote – muda do pedúnculo;
filhote-rebentão – muda da região de inserção do pedúnculo com o talo da planta;
rebentão – muda do talo da planta.
O abacaxizeiro é planta muito sensível ao frio, mas resiste bem às secas. Embora seja planta tropical, nos dias de sol muito intenso, os frutos podem sofrer queimaduras, quando não são protegidos. Pode ser cultivado em qualquer tipo de solo, desde que seja permeável, isto é, não sujeito ao encharcamento; prefere, porém, solos leves, ricos em elementos nutritivos e com pH entre 5,5 e 6,0, ainda que tolere aqueles de pH mais baixo. É bastante exigente em nutrientes.

Geralmente, o florescimento natural do abacaxizeiro ocorre no inverno, mas o comprimento do ciclo natural pode variar de 10 a 36 meses, pois, além de condições climáticas, depende da época de plantio, do tipo e do peso das mudas utilizadas, e também das práticas culturais adotadas.

 

 

 


 Generalidades
O termo abacaxi (em português) é, com forte probabilidade, oriundo do tupi ibacati, ‘bodum ou fedor de fruto’, ‘fruto fedorento’ (ibá, ‘fruto’, cati, ‘recender ou cheirar fortemente’), documentado já no início do séc. XIX.

 

tags:
publicado por Chicailheu às 06:40 | link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 19.08.09

 

Uma sobremesa bem tropical!

 

Ingredientes:

 

1 pacote de bolacha maisena ou Maria
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
1 vidro de suco de maracujá concentrado
½ xícara (chá) de água
1 xícara (chá) de açúcar
2 colheres (sopa) de maisena
250 ml de chantili batido


Modo de fazer:

Creme: misturar o leite condensado, o creme de leite e 1 copo de suco de maracujá, mexer bem e deixar repousando por 20 minutos.

Cobertura: dissolver a maisena em meia xícara de água e colocar numa panela com o açúcar e um copo de suco de maracujá. Levar ao fogo e mexer até engrossar.

Montagem:

Em uma Taça ou travessa, besuntar o fundo com o creme e colocar uma camada de bolacha. Fazer camadas alternadas de bolacha e creme, terminando com o creme. Por cima colocar o chantili e por último a cobertura de maracujá. Levar à geladeira para gelar. Fazer de véspera.

 

 

 

 

publicado por Chicailheu às 23:48 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

 

 

Melão

O melão, originário da Ásia, é a fruta do meloeiro, planta rasteira e herbácea, da família da abóbora e da melancia. Tem formato variável (redondo, oval ou alongado), entre 20 e 25 cm de diâmetro, casca lisa, enrugada ou apresentando nervuras em forma de rede, e cor da casca variando do verde ao amarelo. Sua polpa também varia segundo o tipo, havendo melões amarelados, esverdeados e esbranquiçados.
 

 
Em geral, o melão é uma fruta bem aromática, de gosto definido, mas também é possível encontrar melões insípidos, sem gosto particular, oumesmo amargos. A planta do melão é rasteira, tem folhas grandes, com cinco pontas salientes e suas flôres são brancas, algumas vezes amareladas ou alaranjadas, pequenas e frágeis. Geralmente é servido ao natural.
 
 

O melão tem propriedades refrescantes e hidratantes pois a fruta compõe-se de 90% de água, por isso mesmo, é ideal para as épocas de muito calor. Contém vitaminas A, C e E, além de alguns sais minerais como cálcio, fósforo e ferro. É uma fruta ótima para regimes de emagrecimento.
 

A compra do melão requer alguns cuidados para se ter certeza que a fruta está em boas condições de consumo. Um melão maduro apresenta as seguintes características: quando comprimido nas extremidades, ceder levemente; suas sementes devem estar soltas (sacuda a fruta e veja se faz ruído); a casca precisa estar bem firme, ter cor forte e não apresentar rachaduras, partes moles ou perfurações de insetos; o perfume da fruta deve estar suave e agradável.

O melão deve ser conservado emlugar fresco e arejado. Assim, ele se mantém em bom estado por uma semana. Se a fruta já estiver madura, convém guardá-la na geladeira. Caso ela esteja aberta, cubra com plástico ou papel de alumínio para que não absorva os odores de outros alimentos. Para apressar o amadurecimento do melão, envolva a fruta em uma folha de hornal por 1 ou 2 dias.

Na cozinha, o mais comum é servir o melão ao natural como entrada ou como sobremesa. Como entrada, ele é preparado com sal ou com gengibre em pó. Um prato conhecido e considerado de paladar sofisticado é o melão com fatias de presunto cru. Como sobremesa, pode ser adoçado com açúcar ou com mel.

 

 DICAS CULINÁRIAS:

 Aproveite as sementes do melão. Lave-as em água corrente e coloque num tabuleiro para secar. Leve ao fogo numa frigideira para que tostem ligeiramente. Depois, polvilhe com sal. Ficam ótimas para acompanhar caipirinha ou uma cerveja bem gelada.
se o melão estiver muito aguado ou pouco doce, polvilhe com sal. Ele melhora muito.
 O melão fica delicioso quando é regado com um poouco de suco de limão.

 CURIOSIDADES:

 Nos Estados Unidos foi cultivado o maior melão do mundo. Ele pesava 90,7 kg.
 

 

 

 

tags:
publicado por Chicailheu às 23:43 | link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 18.08.09

 

 

MELANCIA

 

Além de ser refrescante e saborosa, ideal para servir como sobremesa naqueles dias mais quentes, a melancia também pode temperar a vida amorosa.

 

Segundo Daniel Magnoni, cardiologista e naurista diz que a fruta Melancia é um alimento afrodisíaco.

“Já sabemos que a melancia, além de ter fibras e muita Água, possui citrolina, uma aminoácido estimulante sexual”, fala Magnoni.

Para quem deseja mais do que uma vida sexual saudá¡vel, os benefí­cios não param por aí

­. Por ser uma fruta pouco calórica –uma fatia de 200 g possui, em média, 50 calorias–, a melancia também é ideal para os que desejam manter a forma durante o verão.

 

“Daí  pode comer o quanto tiver vontade”, afirma Fernanda Rodrigues Alves, nutricionista do Hospital Samaritano de São Paulo.

 

Quem curte passar o dia na praia e aproveitar as férias para praticar esportes também pode abusar da fruta.

 

“Por ter bastante água, a melancia é um hidratante. Quando ela não está muito docinha, dá ainda para fazer sucos e até molho para macarronada”, completa Fernanda. Geladinha, a melancia pode ser ainda mais atraente.

Saiba mais

1. Qual a composisão da melancia?
 

Tem alta porcentagem de Água, carboidratos, um pouco de vitamina C e licopeno, o pigmento responsável pela cor avermelhada da fruta, um importante antioxidante.

 

2. Que tipos de doença a fruta ajuda a evitar?
Ajuda a reduzir o risco de câncer e de doenças cardiovasculares, evitando o colesterol ruim e diminuindo o risco de infarto.

 

3. Todos podem comer melancia? Há alguma contraindicação no caso do consumo exagerado?
 

Sim, a fruta é própria para o verão e não tem limitação nem contraindicações.

 

Contudo, a melancia pode ser indigesta para algumas pessoas.

tags:
publicado por Chicailheu às 16:20 | link do post | comentar | favorito

 

 

 

Brinca n'Areia

 

 

3/10 de Gin
3/10 Pisang Ambom
3/10 Lime Juice
1/10 Gammel Dansk
Gotas de Clara de Ovo
Gelo Moído
Campari e Sumo de Laranja

Batem-se todos os ingredientes no shaker
excepto o Campari e o Sumo de Laranja.
Verter para o copo a long-drink, mas com o
Campari e o gelo moído dentro. As cores devem
ficar separadas.
Decoração: banana, laranja, cerejas vermelhas e
azeitonas pretas.

tags:
publicado por Chicailheu às 16:16 | link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 17.08.09

 

 

SOPA DE ALFACE

 

Ingredientes

.

600g de batata

.200g de cenouras

.1 cebola média

.2 dentes de alho

.100g de nabo

.1\2 embalagem de alfaces várias

.sal e pimenta e azeite q.b.

Lave os legumes ,corte-os em pedaços pequenos e leve-os a refogar em azeite.Mexa muito bem e regue com água.Tempere com sal e pimenta q.b.,deixe ferver e cozer por 15 minutos.

Triture a sopa e leve novamente ao lume ,até ferver.Junte as alfaces e retire do lume.Sirva de imediato.

Bom Apetite.

 

publicado por Chicailheu às 21:21 | link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

 

ALFACE

 

CLASSIFICAÇÃO CIENTÍFICA

Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Asterales
Família: Asteraceae
Gênero: Lactuca
Espécie: L. sativa

Alface é uma planta de horta utilizada por séculos na alimentação humana.
Apresenta possui grande variação com relação à forma, tamanhos, cores, textura, etc.
É amplamente utilizada na culinária para principalmente o preparo de saladas mas tambem em sopas, refogados e sumos.

Variados tipos são facilmente encontrados em super mercados, feiras, mercados, etc.
Dentre seus tipos estão: alface crespa, romana, mimosa, americana, repolho, francesa, manteiga, etc.

A alface é uma folha que tem quantidades razoáveis de vitamina A, Niacina, C e também os minerais Cálcio, Fósforo e Ferro.

A vitamina A é um elemento importante para o bom funcionamento dos órgãos da visão, conserva a saúde da pele e das mucosas; a vitamina Niacina evita problemas de pele, do aparelho digestivo e do sistema nervoso; e a vitamina C dá resistência aos vasos sanguíneos, evita a fragilidade dos ossos e má formação dos dentes, age contra infecções e ajuda a cicatrizar os ferimentos.

O Cálcio e o Fósforo participam da formação dos ossos e dentes, ajudam na coagulação do sangue e na construção muscular, e o Ferro contribui para a formação do sangue.

Entre as muitas propriedades a alface é também considerada como ótimo calmante e remédio contra insônia.
Em casos de inflamação e inchaços, faz-se aplicações tópicas de cataplasmas quentes de alface.
Por possuir pouquíssimas calorias (15 calorias por 100 gramas), esta verdura pode ser consumida a vontade.

Para compra, deve-se dar preferência às de folhas limpas, de cor brilhante e sem marcas de picadas de insetos e para conservação, convém retirar as folhas machucadas e murchas e guardá-la na gaveta de vegetais do frigorifico, embrulhada em saco plástico, onde se conserva por 5 a 7 dias fresca.

Pode semear-se durante todo o ano e o período de colheita é de maio a novembro, dependendo da variedade.
A Alface desde a sementeira até á colheita para consumo leva uns 60/70 dias.


Indicações:
Insônia, nervosismo, agitação, conjuntivite, reumatismo, problemas gastro-intestinais, gases.
Propriedades:
Calmantes, sedativas, antiácida, anti-reumática, calmante do estômago, diurética, eupéptica, laxante (leve).
Partes usadas:
Folhas, raízes e seiva.

 

 

tags:
publicado por Chicailheu às 21:05 | link do post | comentar | favorito
Domingo, 16.08.09

 

 

 

 TOMATES

 

 

Tomate: os poderes do tomate

 Sabia que a cor vermelha do tomate é importante para a sua saúde? Pois é, o tomate é vermelho porque possui um fitonutriente, chamado licopeno, que lhe atribui essa cor. O licopeno é responsável por benefícios ao nível do organismo, nomeadamente, na prevenção das doenças cardiovasculares...

Quando somos crianças, as nossas mães não se cansam de dizer-nos para comermos frutas e vegetais, embora nunca expliquem o porquê. Quando crescemos mais um bocadinho, ficamos a pensar que é pelas vitaminas e outras substâncias do género que também não sabemos explicar lá muito bem.

 

O papel das frutas e dos vegetais na nossa saúde tem ganho importância nas últimas décadas e estudos que relacionam determinado alimento com determinada patologia revelam alguns dados interessantes...

De facto, este interesse nos benefícios dos alimentos para a saúde remonta ao pai da Medicina, Hipócrates, autor da célebre frase: «Faz da comida o teu remédio». Mas, falemos, então, do tomate.

Um estudo publicado no Journal of Nutrition sugere que crianças com uma dieta rica em tomate apresentam uma significativa redução na taxa de mortalidade.

Vários outros estudos indicam que o consumo de tomate traz benefícios para a saúde, principalmente no que diz respeito à prevenção das doenças cardiovasculares e do cancro.

Os estudos em questão analisam uma substância presente no tomate, designada por licopeno, que não é produzida pelo organismo, sendo apenas possível obtê-la através de fontes externas.

De acordo com a Dr.ª Alexandra Bento, presidente da Associação Portuguesa de Nutricionistas (APN), o licopeno é «um fitoquímico, ou fitonutriente, da família dos carotenóides, que confere a cor vermelha aos produtos de origem vegetal.

Os fitoquímicos ou fitonutrientes são químicos encontrados nos vegetais e que têm efeito benéfico na saúde.

Desta forma, eles diferem do que é tradicionalmente chamado de nutriente, já que não são necessários para o metabolismo normal e a sua ausência não irá resultar em problemas de saúde por deficiência.

Contudo, «diversos estudos actuais sustentam que muitas das doenças dos países industrializados são consequência da falta de fitonutrientes na dieta» explica, salientando:

«O que é matéria de consenso e que está acima de controvérsias é que os fitoquímicos têm muitas funções benéficas no organismo.»

«Por exemplo, eles podem melhorar o funcionamento do sistema imunológico, agir directamente contra bactérias e vírus, reduzir inflamação, ou estarem associados no tratamento e/ou prevenção de cancro, doenças cardiovasculares ou outras doen­ças, afectando a saúde ou o bem-estar do indivíduo.»

«Os estudos científicos têm vindo a demonstrar, também, o importante papel do licopeno na prevenção do cancro da próstata.»

Investigações realizadas pelo médico americano Michael Roizen mostram que 10 colheres de molho de tomate ingeridas semanalmente podem reduzir em 50% o risco de ocorrência de 11 tipos de cancro.

Deste modo, o licopeno está presente nos produtos de origem vegetal (frutas e legumes) de cor vermelha e, por isso, está presente em grande quantidade no tomate, podendo, também, ser encontrado na melância e no morango, mas em menores quantidades.

«Quanto mais intensa for a cor vermelha do tomate, mais rico em licopeno é. Assim, podemos dizer que os tomates são, de longe, a fonte mais rica em licopeno» afirma Alexandra Bento.

in www.sapo.pt Texto de Teresa Pires A responsabilidade científica desta informação é da jasfarma

 

 

 

tags:
publicado por Chicailheu às 23:31 | link do post | comentar | favorito
Sábado, 15.08.09

 

 

SOPA DE CEBOLAS

INGREDIENTES 

 

 6 cebolas grandes

150 gramas de manteiga

1 colher de sopa de farinha de trigo

2 litros de água

2 tabletes de caldo de carne

4 colheres de sopa de queijo Gruyère ralado

sal e pimenta a gosto

 

                                        Modo de Preparo

Cortar as cebolas em rodelas finas. Refogar na manteiga. Juntar a farinha de trigo dissolvida na água, o caldo de carne, o sal e a pimenta, mexendo até engrossar. Ferver por 15 minutos em fogo brando. Servir polvilhada com queijo, acompanhadas de fatias de pão baguete.


Dificuldade: Fácil

 

Tempo de Preparo: 30 min

 

 

 


 



 

publicado por Chicailheu às 21:09 | link do post | comentar | favorito

 

 

CEBOLAS

Renegada ao grupo de alimentos deixados de lado no prato, a cebola é uma hortaliça milenarmente conhecida por suas propriedades nutricionais, sendo também utilizada na prevenção de diversas doenças. As tumbas egípcias, por exemplo, estão repletas de desenhos do alimento que tinha seu bulbo como símbolo do universo, coberto por diversas camadas que representavam os mundos: subterrâneo, atmosférico e espiritual. A devoção pelo vegetal era tamanha que os egípcios as usavam como oferenda e sacrifício para os deuses. Conta-se ainda que Alexandre, o Grande, estabelecia dietas à base do tubérculo para suas tropas. Mas, Afinal, o que esse ardido alimento oferece à saúde? 


Protetora do coração, inimiga das cáries, micoses e herpes, aliada contra o câncer e hipertensão, a cebola é ingrediente indispensável nas dietas balanceadas. Rica em flavonoídes (antioxidante), ela ajuda a diminuir a oxidação das placas de gorduras nas artérias e combate a velhice precoce. A cebola contém também quantidades generosas de cálcio, indispensável para a saúde dos ossos. O seu consumo freqüente pode reduzir o risco da osteoporose, doença que atinge um terço das mulheres após a menopausa. Além disso, a hortaliça atua como antiinflamatório e é capaz de reduzir os níveis de glicose sanguínea, sendo recomendada para os diabéticos.


Ainda há mais: a cebola apresenta uma quantidade importante de vitaminas do complexo B, essenciais na redução do colesterol ruim (LDL), na formação de anticorpos e na assimilação de proteínas pelo corpo. O betacaroteno presente na hortaliça combate radicais livres, aumenta a imunidade e estimula o metabolismo corporal. A cebola é também rica em fibras que auxiliam nas contrações musculares do estômago, contribuindo para um bom funcionamento do intestino.

É recomendada a ingestão de 50 gramas de cebola por dia, o equivalente a uma cebola média. Ela deve ser crua, já que grande parte das propriedades nutricionais são perdidas ao se refogar ou fritar a hortaliça. A nutricionista Vanessa Hentz adverte: “A ingestão excessiva de cebola crua pode causar gases e desconfortos intestinais e o cheiro do suor pode ser acentuado por quem come cebola demais”. Fora isso, não há contra-indicação, só uma extensa lista motivando os que ainda tinham problema com essa hortaliça tão saudável.

E aí?Você mudou sua opinião em relação à cebola? Vai continuar deixando-a no canto do prato?

tags:
publicado por Chicailheu às 14:53 | link do post | comentar | favorito
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

últ. comentários
Gosto desta receita de tangerina mas eu tenho 5 li...
Gostei desta receita. Era semelhante à da minha mã...
Como se prepara este marisco melhos este crustáceo
Comentário típico de alguém que NUNCA FEZ NADA NA ...
tem que ser faca eletrica?
pelos menos colocou uma receita para as pessoas pr...
Faça um molho cocktail de cavaco em vez de fazer a...
Olá bom dia!Somos produtores de chá preto e verde ...
Olá bom dia!Somos produtores de chá preto e verde ...
Posts mais comentados
5 comentários
5 comentários
4 comentários
4 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
3 comentários
2 comentários
as minhas fotos
blogs SAPO
subscrever feeds